• Últimas Notícias

    sexta-feira, 29 de março de 2013

    Curiosidades de Bakuman

    O que é real e o que é ficção?

    E Bakuman chegou, deixando aquele gostinho de quero mais. Foram quase 2 anos de publicação no Brasil, onde acompanhamos a luta de Muto Ashirogi para se tornar o carro-chefe da Shonen Jump. Em Abril a JBC lançará o último volume desse que foi um dos melhores mangás nas bancas nos últimos meses. Aproveitando a deixa, vim aqui mostrar algumas curiosidades desse mangá. E claro, abaixo pode conter SPOILERS.

    Primeiramente vamos ao nome, que chama a atenção logo de primeira. Sem uma tradução em especial, o nome é uma junção de "Baku" (博奕), que significa aposta e Mangaká, se referindo ao tema principal do mangá, a aposta de ser um mangaká no competitivo mercado japonês. Essa é uma interpretação mais crível, já que a outra tradução para "baku" seria explosão.
    Além do nome, outra coisa que chama a atenção é a semelhança entre o mangá e a vida real dos autores Takeshi Obata e Tsugumi Ohba (e não é só o fato de ambos terem as mesmas iniciais). Desde alguns personagens às histórias criadas pelo Takagi e o desenho do Mashiro pode-se perceber que nada na série é por acaso. 
    Temos por exemplo a semelhança entre a obra do tio do Mashiro com uma obra real do Ohba, chamada Luckyman, um gag mangá que não fez muito sucesso. Depois dessa série ele não conseguiu criar nada de bom. Bom, pelo menos até Death Note.

    Semelhanças entre Luckman (à esquerda) e A Lenda do Super Herói, obra do tio do Mashiro (à direita)
    Nas partes finais do mangá, temos a obra de maior sucesso de Muto Ashirogi: Reversi. E não sei quanto a vocês, mas pra mim aquilo é puramente Death Note com outros personagens. 


    Outro acontecimento na vida real que aparece no mangá é o caso do assalto ao banco baseado em PCP, que acaba afetando o psicológico dos autores. Na vida real, no pico de sucesso de Death Note, crianças no Japão, China e Estados Unidos escreviam os nomes dos professores e colegas que queriam que morressem em cadernos pretos .A produção da manga de Death Note quase que ficou parada devido a várias complicações e a anime chegou a estar fora de questão devido a nenhuma rede televisiva querer passar uma anime em que se matavam pessoas estratégica e seletivamente. Death Note chegou mesmo a ser banida em países como a China. Houve também um caso na Bélgica de um homicido em que o culpado deixou um papel sobre a vitima a dizer " I am KIRA".

    Os editores da Jump são todos inspirados nos editores reais. Inclusive o editor-chefe Sasaki usa a imagem do personagem de Bakuman na foto do seu perfil no Twitter. Veja abaixo a comparação feita por uma emissora japonesa:

    Os autores presentes no mangá também parecem ser inspirados em autores da vida real. Como é o caso da Iwase, cópia quase idêntica da autora de D.Gray-man, Katsura Hoshino, que já admitiu ter uma certa rivalidade com Takeshi Obata, mas que acabaram se tornando bons amigos.


    Outro que foi inspirado, não em um, mas em 3 autores foi o Eiji Niizuma. Um deles pode ser Tite Kubo, o autor de Bleach. Várias vezes em Bakuman, Eiji faz cumprimentos a Ashirogi Muto usando trocadilhos de Bleach. Tite Kubo lançou também uma manga chamada Zombie Powder e o Eiji lançou Zombie Gun.


    Outro que pode ter ajudado a dar vida ao Niizuma foi o Eiichiro Oda. Além da semelhança no nome (os "i" duplo), ambos se vestem parecido, tem uma paixão tremenda pelos mangás, além de um jeito peculiar de criar suas histórias, sem quase nunca consultar os editores e ter para si a responsabilidade caso algo dê errado. Não é a toa que ambos têm mangás de sucesso.


    Por fim temos o autor de Toriko, Shimabukuro Mitsutoshi, que pela imagem nem precisa dizer em que os dois se assemelham não é mesmo?

    O Hiramaru e a Aoki também parecem ter sido inspirados em autores da vida real, respectivamente Yoshihiro Togashi (autor de Hunter X Hunter e Yu Yu Hakushô, conhecido por ser extremamente negativo e preguiçoso) e Naoko Takeuchi (autora de Sailor Moon, que se parece com a Aoki). Ambos se casaram, assim como o casal de personagens autores em Bakuman. 


    Existem outras referências a vida real na série, mas fica pra próxima. Espero que tenham gostado desse nada pequeno artigo com curiosidades da série. Quem sabe eu não me anime faça o mesmo com alguma outra? Deixem sugestões abaixo!

    Até a próxima! o/

    Fonte: Blog Mundo do Coringa, Dragon Ball-Pt

    Um comentário:

    1. ótima matéria. Estava procurando uma matéria sobre as referências de Bakuman e a vida real e achei o seu. Gostei que colocou fotos, facilitou bastante.

      ResponderExcluir

    Esse espaço é destinado para comentários e discussões sobre as notícias do site.

    Os comentário são livres, mas estaremos de olho pra que ninguém passe dos limites. Comentários que contenham ofensas, links para outros sites ou materiais de conteúdo adulto serão moderados.

    Caso deseje firmar parceria, entre em contato conosco através do nosso e-mail animefanzines@outlook.com

    Seja educado, respeite a opinião dos outros. Faça desse espaço um ambiente saudável para o diálogo. Não queremos ser obrigados a mandar ninguém pra outra dimensão ;)

    Sobre Nós

    Sobre Nós
    Notícias e informações sobre o universo dos animes, mangás, games e muito mais sobre esse lado pop da cultura japonesa.